Tate no Yuusha no Nariagari

     Kimetsu no Yaiba escrito pela autora Koyoharu Gotouge é mais uma obra de sucesso que recebeu uma adaptação para Anime pelo estúdio Ufotable. Assim como Dororo e Kenja no Mago, Kimetsu no Yaiba — ou Demon Slayer — é uma história que também envolve demônios.

     — Ultimamente tem saído muitos animes com temática de demônios, não? Não é algo chato, só quis ressaltar mesmo. xD

      A história se passa em uma terra com rumores de que demônios devoradores de homens vivem escondidos, espreitando a floresta. Por causa disso, moradores locais evitam sair de casa durante a noite, mas existe uma lenda que fala sobre um caçador de demônios.
     Após a morte de seu pai, Tanjirou Kamado assume a responsabilidade de sustentar sua família. Embora levasse uma vida difícil para ajudar sua família, todos eram felizes juntos. Até acontecer...
     Anos de felicidade podem simplesmente serem destruídos em segundos. E isso acontece quando Tanjirou encontra toda sua família morta, onde a única sobrevivente é sua irmã, Nezuko. Porém havia algo estranho, a garota agora era um demônio, mas para sua surpresa ainda possuía sinais humanos, como emoções e pensamentos.
     Agora Tanjirou passa a lutar contra demônios enquanto busca uma forma de tornar sua irmã humana novamente.


     Kimetsu no Yaiba deixa bem claro uma coisa logo no início: Uma história pesada. E por quê? A arte transmite todo o sentimento que precisa ser passado. Desde as cores, até o traço utilizado que não é um estilo casual, nem mesmo algo delicado, mas um traço com pouco cuidado, passa uma ideia de possível ação, mesmo que não esteja acontecendo algo naquele momento. É diferente de um romance por exemplo que possui um traço mais delicado e sutil.

 
 
     Os ambientes receberam uma atenção muito boa, a arte está maravilhosa, cenários muito bem detalhados.



— O resto você pode ver no Anime! 😁

     As animações estão boas, não é possível tirar grandes conclusões se baseando apenas no primeiro episódio, mas ainda assim, pode-se criar expectativas de que elas serão muito boas.

     Apenas acho que o drama que tentaram criar entre os Nezuka e Tanjirou foi um pouco exagerado, acredito que poderia ter sido uma cena mais rápida para poder acrescentar mais tempo na luta que estava por vir. Mas é apenas um detalhe, nada que me faça gostar menos da obra, pelo contrário, eu a recomendo.

     Bem particularmente eu estou adorando as músicas usadas no Anime. Elas transmitem emoção, quase um sentimento de perda ou de despedida, a música do início por exemplo, quando Tanjirou vai para a cidade, pude sentir um clima de "despedida indireta".

— Tava parecendo quase um drama. Mas deu para entender depois o motivo da música. :(

     É possível termos outros tipos de músicas, talvez até mais agressivas em cenas de luta. Espera-se que tenha, apenas para não manter uma monotonia sonora.

     Os personagens que aparecem nos primeiros momentos são bastante carismáticos. Já podemos sentir um laço forte entre todos não somente com entre a família, mas também com outras pessoas que Tanjirou conhece. E um detalhe que gostei bastante no protagonista, é que ele parece estar bem desenvolvido pela autora, conseguimos sentir uma aura de irmão mais velho, ele não apenas é, ele realmente mostra que é, assumindo as responsabilidades pela sua família.

     Lutas, Demônios, Ação, Drama, Mistério, Sobrenatural, se alguma dessas palavras chamou sua atenção, não deixe de assistir! Depois de ver o primeiro episódio fiquei com muita vontade de fazer esse Review!

     Siga a AniPlease nas Redes Sociais para não perder nenhuma novidade, até o próximo Review!

     Grande Abraço!


「 Luke: Escritor e Fundador do AniPlease!, Filmmaker, Estudante de Marketing, Otaku e Viciado em Café 」
 
AniPlease! é um site feito para fãs da Cultura POP Oriental com o propósito de trazer informações de forma completa, inteligente e divertida para todos.